Marketing para Advogados
CMVR_Novembro 2021

Rússia registra pela 1ª vez mais de 900 mortos por Covid em 24 horas

Por Equipe G. Gospel em 06/10/2021 às 07:45:27
Foi o 6º recorde de óbitos nos últimos 9 dias, em meio mais uma onda de contágio causado pela variante delta e a persistente lentidão na campanha de vacinação do país. Profissional de saúde com roupa de proteção especial empurra mulher em cadeira de rodas em frente a hospital para pacientes com Covid-19 em Kommunarka, perto de Moscou, em 5 de outubro de 2021 na Rússia

Alexander Nemenov/AFP

A Rússia registrou pela primeira vez nesta quarta-feira (6) mais de 900 mortes por Covid-19, em meio a mais uma onda de contágio causado pela variante delta e a persistente lentidão na campanha de vacinação.

Foram registrados 929 óbitos nas últimas 24 horas, segundo o governo russo, o sexto recorde diário de vítimas do novo coronavírus nos últimos nove dias, o que provocou o retorno de algumas restrições.

O país é atualmente o segundo que mais tem registrado vítimas da pandemia atualmente (média de 868 mortes nos últimos sete dias), atrás apenas dos Estados Unidos (1,7 mil), segundo o "Our World in Data").

Os países com mais mortes por Covid-19 atualmente:

EUA: 1.753

Rússia: 868

Brasil: 483

México: 390

Índia: 255

Desde o início da pandemia, o país já registrou mais de 200 mil mortes por Covid-19, o que faz da Rússia a nação mais afetada da Europa em termos absolutos.

Os países com mais mortes por Covid-19 desde o início da pandemia:

EUA: 705 mil

Brasil: 598 mil

Índia: 449 mil

México: 279 mil

Rússia: 211 mil

Vacinação contra a Covid

Enfermeira prepara dose da Sputnik V, vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Rússia

Tatyana Makeyeva/Reuters

Apesar de ter a Sputnik V, uma das primeiras vacinas contra a Covid-19 desenvolvidas no mundo, a Rússia não consegue fazer a sua campanha de imunização avançar.

O país tem apenas 62 doses aplicadas a cada 100 habitantes, patamar semelhante ao do Paraguai (64) e do Irã (61) e abaixo da média mundial (81).

Entre os países com as maiores taxas de vacinação proporcional do mundo estão Emirados Árabes (202 doses a cada 100 habitantes), Cuba (190), Uruguai (181), Israel (175) e Chile (170).

VÍDEOS: as últimas notícias internacionais

Fonte: G1

Comunicar erro
Marketing para Advogados_2

Comentários

Supletivo_01 - Local 3